3 comentários em “Em defesa das crianças na missa

  1. Eu penso diferente. Não acho que a missa não seja lugar para crianças, mas devia-se evitar levar crianças pequenas, que deveriam frequentar a missa apenas quando atingissem a “idade da razão”, para usar um termo do Direito Canônico (por volta dos 7 anos).

    Crianças pequenas não entendem o que é a igreja ou a missa, muito menos o que é a fé católica (nem mesmo de forma didática, como uma criança de 7 anos entenderia), não tratam o templo diferentemente da casa da avó ou do parquinho. A frequência na missa não vai fazê-las entender isso nem servir de exemplo até chegada certa idade, e as paróquias (minha família inclusive) estão cheias de exemplos de pessoas que foram levadas à igreja pelos pais desde pequenas e não tem qualquer vivência católica séria depois de crescidas.

    Como não entendem, a missa ou o local não faz sentido para elas. Não faz sentido ficar quieta, ou em silêncio, ou prestando atenção em algo que não sabem o que é nem para quê. As mais irriquietas ou vão achar tudo um saco (como eu achava quando era criança) ou vão fazer bagunça e atrapalhar o culto.

    Claro que a bagunça está ligada à indisciplina, e indisciplina é culpa dos pais. Porém, hoje a indisciplina é tão comum que prefiro que as famílias reflitam sobre sua vivência cristã e a adaptem, mesmo que isso mantenha alguns membros em casa por um momento, do que generalizem a indisciplina dentro da igreja e a torne coisa “normal”.

    Exemplo por exemplo, acho melhor e mais salutar os pais darem exemplo de catolicismo aos filhos a todo momento, especialmente dentro de casa, usando desde a oração ao presépio, ao invés de concentrar esse exemplo levando as crianças vez por semana à missa, que às vezes vão a contragosto. A missa aos domingos só faz sentido para a família se a catolicidade está presente em casa em todos os dias da semana. Claro que as graças da Santa Missa são muitas e eficientes, mas também são transmitidas pelos fiéis da assembleia aos ausentes.

    Abraços

    • Concordo plenamente com este comentario. A Missa é o maior ato de fé de um católico. Assistir a Santa Missa precisa de discernimento para saber que estamos atualizando o Sacrifíio de Jesus Cristo, Sua entrega de amor ao Pai, o que a criança ainda não tem conhecimento. Por isso, ela brinca, corre, grita, etc durante a Missa, e claro atrapalha todos.
      A Missa não pode ser tratada como se fosse um culto onde qualquer um está ali e recebe graças. Se fosse assim um pagão que nada sobre a Missa e até comungasse estaria se condenando, não teria nenhuma graça ou proveito para ele.
      As crianças devem ser preparadas para entender de uma forma adequada a sua idade a partir dos 7 anos, chamada idade da razão.
      Muitas vezes alguém alega que Cristo chamou atenção dos discipulos quando tentavam afastar as crianças, mas é um outro contexto, nada tem a ver com esta situação, era para uma outra realidade que Jesus cobrava um tratamento dos pequeninos.
      A Missa é algo tão grandioso que não podemos tratar de qualque forma, com distrações, com bagunças, brincandeiras de crianças.
      São Pio nos ensina que quando formos a Missa devemos proceder como Nossa Mãe Maria Santissima e João aos pés da cruz. Certamente que crianças ainda não tem como proceder assim. E mesmo nós adultos também deveriamos deixar de proceder como crianças inonsequentes diante do altar e estar com o mesmo espírito de João e Nossa Senhora no calvario.

  2. Me desculpem, mas entendo que a familia toda que vai a missa, é um exemplo, e outra coisa conheço crianças que vão a missa e ficam quietas e tenho certeza que a partir de um ano de idade ela ja começa a conhecer e entender o que significa um lugar sagrado. Só vejo criança agitada, quando nos adultos ficamos conversando e também não damos a importancia e respeito em que a liturgia merece, como disse o texto as crianças são um termometro na missa. Respeito as respostas de voces.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s